Saiba o que é ISO e conheça suas normas e implementação

ISO é organização Internacional de normalização ou International Organization for Standardization. A ISO atua através da definição de padrões internacionais que podem ser seguidos por empresas em todo o mundo.

A ISO é uma organização internacional e não- governamental que possuiu 164 membros distribuídos em todo o mundo. Em cada país essa organização é representada por um organismo de normas, por exemplo no Brasil é a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).

ISO

Ok, agora então já sabemos o que ou quem é ISO, e aqueles números 9000, 14000 o que são?

Esses números atuam como um código de referência ao documento original que estipula qual seria a metodologia ideal para alcançar um objetivo, então cada número desses se refere ao objetivo final que a implementação trará para a empresa.

O código mais famoso é o 9000 e foi o primeiro a ganhar importância dentro das empresas, principalmente porque visa controlar e mensurar todas as variáveis que possam influenciar a qualidade do produto ou serviço ofertado ao cliente. Por isso ela ficou conhecida como Gestão da Qualidade, uma vez que ela implementa índices de controle e permite a empresa observar se as boas práticas estão sendo executadas por seus colabores e a eficiência de seus processos.

Depois que essa ISO se tornou famosa vários setores da economia começaram a se utilizar dessas ISO como parâmetro de mercado, tendo como exemplo os setores de mineração e hospitalar, onde as empresas que não seguem o padrão são raras. Um dos motivos por isso ter acontecido é que são atividades de alto risco e por falha de planejamento ou execução, tragédias podem acontecer, acarretando prejuízos financeiros, de imagem, ou até mesmo legais.

No início dos anos 2000, a ISO da vez foi a 14000 que ganhou notoriedade com a crescente preocupação global com o meio ambiente.

ISO

Com a crescente poluição, desmatamento e degradação do meio ambiente, governos mundo afora enrijeceram suas legislações e impuseram as empresas restrições, proibições e controles necessários para frear a destruição do meio ambiente.

Uma maneira que as empresas encontraram de reduzir o seu impacto ambiental e melhorar sua imagem perante o público foi a implementação da ISO 14000.

Apesar da necessidade de investimento para receber as certificações, as normas são públicas e acessíveis a todo o público, podendo ser implementadas em empresas de qualquer porte e atividade, porém pela maneira como são escritas e generalidade com que tratam da necessidade das empresas em executar algum processo ou tarefa muitas pessoas e empresas tem dificuldade em compreender o que é necessário fazer para cumprir os requisitos e atender a norma com toda a sua excelência.

A implantação de ISO oferece várias vantagens para sua empresa como:

  • Aumenta o nível de organização interna
  • Controla a administração e produtividade
  • Redução de custos
  • Reduz o número de erros
  • Melhora a credibilidade da empresa junto a seus clientes
  • Traz para os funcionários da empresa conhecimento sobre a ISO
  • Auxilia no treinamento de novos colaboradores
  • Melhoria na transferência de conhecimento
  • Aumento da competitividade
  • Passa credibilidade
  • Acesso a novos mercados
  • Diferencial competitivo
ISO

Um dos maiores benefícios da implementação das normas ISO é a necessidade de mapear e focar em processos que muitas vezes são desleixados pelas empresas, mas que podem gerar transtornos e prejuízos. Em decorrência da necessidade de atenção aos detalhes que podem impactar as atividades da empresa, a implementação das normas ISO é uma atividade lenta que demanda tempo, organização, metodismo e muito trabalho em equipe, uma vez que mudanças ou definição dos processos afetam todos os setores e colaboradores da empresa.

A avaliação de conformidade da empresa aos requisitos estabelecidos na norma não é feita pela ISO, ela é feita por empresas certificadoras, que possuem autorização da organização para emitir o certificado para as empresas que tiverem seu sistema de Gestão aderentes aos requisitos.

A ISO não é uma certificação eterna e a empresa que deseja obtê-la se compromete com a manutenção de seu sistema de gestão e o lema da melhoria contínua. Algumas empresas criam e mantém a gestão das normas ISO dentro de seus setores de SGI (Sistema de Gestão Integrada) ou setor da qualidade, porém empresas que não possuem porte, capital ou recursos humanos para tal preferem manter a gestão das normas através de consultorias especializadas.

E me siga nas redes sociais E me siga nas redes sociais: InstagramLinkedinFacebookTwitter .

Leia alguns artigos relacionados:

>