Definindo Metas Financeiras para sua Empresa em 5 Passos Simples

Ter um planejamento para qualquer questão de nossas vidas pessoais e profissionais é de extrema importância e com metas financeiras não poderia ser diferente.

Quando falamos de projeções futuras para empresas, naturalmente levaremos em conta expectativas relacionadas às finanças delas. Afinal, são parte crucial de qualquer negócio.

Além de ser uma das maneiras mais baratas e eficientes de se alcançar objetivos financeiros, tais metas ainda conduzem à um profundo entendimento da situação empresarial.

E sendo tão importantes, devem receber a devida atenção e cuidado para que nada saia dos eixos e não prejudique o caminho do empreendimento.

E para conhecer uma forma simples e eficiente de traçar tais metas, é só continuar a leitura aqui com a gente. Vamos lá?

Metas Financeiras - Alvo
Fonte: Medium

Como começar

Muitas empresas acabam caindo em uma situação de descontrole financeiro. O que leva a uma péssima saúde financeira.

Não se planejar e conduzir uma empresa por meio da desorganização e improvisação é receita para o fracasso.

Portanto, o entendimento da situação da sua empresa deve ser o primeiro ponto a ser considerado, pois a partir dele prosseguiremos para os passos para a definição das metas financeiras.

Contas e Tributos

Sem mais delongas, para atingir esse entendimento da situação da empresa, precisamos monitorar as contas. Bem simples.

Ter ideia das contas a pagar, prestando atenção aos custos fixos e variáveis envolvidos e também das contas a receber, já que precisamos ser pagos por nossos serviços.

Além disso, devemos estar atentos ao que é cobrado pelos órgãos do governo. A atenção à tributação é parte essencial dessa organização.

É bem trivial, mas se não começarmos por aí, tudo pode desmoronar.

Capital e Saldo

Outro ponto de extrema importância é o capital relacionado à empresa. Neste caso, tratamos tanto do capital imobilizado quanto do capital de giro.

Tratamos do capital imobilizado para atingirmos um equilíbrio em nossos estoques, determinando os volumes necessários que correspondam a capacidade econômica da empresa.

Por fim, a atenção ao capital de giro da empresa, seus financiamentos e o próprio saldo disponível em caixa devem entrar nessa análise. Pois, só aí estaremos prontos para a definição de metas.

Definindo Metas

Muitos são os métodos para a definição de metas financeiras, cada um com suas particularidades e potencialidades.

Idealmente, um trabalho de pesquisa deve ser feito, pois para atender diferentes negócios, são recomendadas diferentes qualidades.

Dentre os métodos para a definição das metas financeiras, escolhemos apresentar um mais geral, que poderá te ajudar bastante.

Falamos do método S.M.A.R.T., acrônimo em inglês que significa “inteligente”, em português.

Os 5 Passos

Metas Financeiras SMART
Cinco passos do planejamento das metas financeiras

Specific (Específico)

Uma empresa tem de lidar com recursos limitados e, por isso, se perder por estar sem foco pode ser o caminho para um grande prejuízo.

Pensando nisso, a especificidade será uma aliada.

Especificar os produtos que devem ser vendidos, a maneira que isso ocorrerá e outros pontos importantes.

Measurable (Mensurável)

Para acompanhar as metas, é preciso se ter uma noção clara de seus números, estabelecendo parâmetros realísticos, baseados em pesquisas e um controle inteligente das entradas no caixa da empresa.

Attainable (Atingível)

É importante que suas metas não sejam inalcançáveis!

Traçar objetivos muito gananciosos, e até mesmo inalcançáveis, pode frustrar sua equipe, levá-la à uma grande carga de estresse.

Metas alcançáveis são o ideal a se propor para a equipe. Divida grandes metas em metas menores.

Realistic (Realista)

Se uma meta não é clara e não faz sentido para os propósitos da empresa, dificilmente conquistará o comprometimento dos envolvidos.

É importante que os objetivos levem a empresa à um ponto real e claro para toda a equipe.

Timely (Temporizável)

Uma meta não é nada se não houverem prazos para serem respeitados. Deve haver um comprometimento e um acompanhamento das partes.

Seguindo esses passos, se torna mais possível alcançar as metas propostas.

Curtiu as dicas? Aplica outro método na sua empresa? Conta pra gente aí nos comentários!

E me siga nas redes sociais: InstagramLinkedinFacebookTwitter .

Deixe uma resposta 0 comentários