3 Tipos de Organogramas e Como Fazê-los!

O organograma de uma empresa surgiu da necessidade de departamentalização de um negócio para organizá-lo de forma otimizada e obter resultados mais relevantes.

Através de uma organização clara, os funcionários sabem com exatidão a sua função, a quem se reportar e os treinamentos podem ser realizados de acordo com a necessidade e objetivo de cada departamento.

O organograma, é a ferramenta mais utilizada pelos gestores e consultores, seja para organizar ou para visualizar cargos.

Nesse post falaremos de três tipos de organograma:

organograma

Organograma Comum

organograma

É um modelo clássico, sendo mais usado por empresas mais tradicionais.

Nesse modelo, as partes que compõem uma empresa são dispostas de maneira vertical, onde quem está acima, possui o cargo de maior hierarquia dentro da empresa.

Elaborado com retângulos que representam os órgãos e linhas que fazem a ligação hierárquica e de comunicação entre eles.

Organograma Funcional

organograma

O organograma faz um mapa das atividades das pessoas, é maleável, torna sua consultoria ou seu trabalho mais eficiente e tem uma característica de alta performance.

O organograma funcional possui a mesma estrutura de um organograma vertical, no entanto, em vez de focar na hierarquia dos cargos dentro de uma organização, ele foca nas funções de cada componente e indica as responsabilidades e atividades atribuídas através dos cargos.

organograma

Recomendamos o uso da ferramenta Mindmanager para criação de organogramas. O Visio, ferramenta da grande Microsoft também é uma boa maneira de criar seus organogramas. Ambos os programas são pagos, porém, o Mind possui uma avaliação teste de 30 dias, enquanto o Visio, possui diferentes planos, sendo o de uso pessoal de forma Gratuita, e o uso empresarial de forma Paga.

Para facilitar a transferência e troca de atividades e trocas de cargos e salários, é indicado colocar as atividades do funcionário no organograma, para visualizar, mensurar e reorganizar as atividades.

Ele é indicado para consultores e gestores, possibilitando criação e divisão de tarefas rapidamente em uma reunião. Nele você coloca cada atividade, realoca essas atividades já criando um plano de treinamento, define as exigências de cada atividade, faz um mapa das pessoas que estão ocupando o cargo.

Com esse mapa você tem o plano de treinamento em mãos, já tem as falhas e demandas de adequação, ai você tem que decidir, troca a pessoa ou troca as características do cargo, trocar as características do cargo para não demitir a pessoa, pode ser um problema no futuro.

organograma

Algumas vantagens do organograma funcional é: Os membros de um time trabalham melhor entre si, e isso permite o compartilhamento de ideias e conhecimentos diversos, para que, inclusive, aprendam novas habilidades.

A natureza clara do plano de carreira na unidade funcional permite que os colaboradores sejam altamente motivados a avançar em suas carreiras.

Organograma Orçado

Ele pode ser feito no excel e no power bi, no excel é mais interessante.

Recomendo criar um organograma futuro, com cargos que possa contratar, com projeção de cargos.

Deve ser desenhado o organograma, com salário, profissão e quantas pessoas ocupam esse cargo. Deve-se também criar uma tabela ao lado, linkando cargos e salários. Esse organograma é bom para o cliente saber quanto ele gasta com funcionários.

Esse organograma é indicado para empresas com até 100 funcionários.

Agora que você já conhece os diversos tipos de organograma, e como ele são importantes para as empresas, você já pode começar a implementar isso no seu negócio.

Uma empresa organizada pode evitar problemas no futuro, deixe bem ilustrado cada departamento da empresa e seus colaboradores em questão, assim, algumas objeções ou dúvidas de clientes, parceiros e ou fornecedores ficam bem esclarecidas.

Leia alguns blogs recentes:

E me siga nas redes sociais: InstagramLinkedinFacebookTwitter .

>